A Prefeitura de Natal autorizou a reabertura de shoppings com ar condicionado a partir desta terça-feira (28). De acordo com o decreto, os shoppings podem funcionar das 12h às 20h, todos os dias da semana, com 30% da capacidade. Os shoppings estão fechados desde o final de março por causa da pandemia do coronavírus.

    A administração do Natal Shopping, Midway Mall e Partage Norte Shopping confirmaram que vão seguir o decreto municipal e reabrir nesta terça (28).

    Além disso, o decreto determina que os estabelecimentos devem seguir as regras de segurança sanitária estabelecidas pela prefeitura que inclui, dentre outras coisas, a entrada de clientes apenas se estiverem usando máscaras; distanciamento de 2 m (dois metros) entre as pessoas; e a disponibilização de pontos com dispensadores de álcool em gel 70%.

    De acordo com o decreto, a fiscalização caberá à Secretaria Municipal de segurança Pública e Defesa Social (Semdes), Procon, Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo de Natal (Semurb), Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur) e Secretaria Municipal de Saúde (SMS), que poderão, inclusive, interditar o estabelecimento que descumprir as regras estabelecidas pela Administração Pública Municipal.

    Divergência entre decretos

    Já o decreto do governo do Estado só permite a abertura de shoppings com ar condicionado a partir de 5 de agosto. Por ter autonomia, a Prefeitura de Natal não vem seguindo os decretos estaduais em relação à retomada das atividades econômicas. Ou seja, para os estabelecimentos comerciais da capital potiguar valem os decretos municipais.

    Em entrevista ao RN1 desta segunda (27), o secretário estadual de Saúde, Cipriano Maia, criticou a decisão da Prefeitura de Natal de adiantar a reabertura de shoppings. “Nós achamos que não é uma medida sensata. Os shopping são um lugar de grande aglomeração. Mesmo adotando todos os protocolos de segurança e distanciamento, nós vimos em dois episódios no fim de semana que isso não tem sido respeitado”, considerou.

    Na mesma entrevista o secretário confirmou que o governo vai acatar a recomendação do Comitê Científico do Estado e suspender a terceira fase de reabertura econômica, prevista para esta quarta-feira (29). Com a decisão, ficou suspensa a reabertura de bares e restaurantes com mais de 600 metros quadrados, que era prevista para esta quarta-feira (29). Segundo o secretário, a previsão é de que os estabelecimentos sejam abertos no dia 5 de agosto, junto com a liberação dos shoppings com ar condicionado.

    G1

    comentarios